Nesta última quinta-feira o nosso Bispo Dom Aldemiro esteve na Cidade de Campina Grande, onde moram os seminaristas maiores de nossa diocese, residentes no seminário São João Maria Vianney. Essa foi sua primeira visita a este seminário após sua posse canônica na diocese. O bispo veio acompanhado pelo o Pe. Daniel, atual reitor da propedêutico de nossa diocese e pelo seminarista Ednaldo.

Por ocasião de sua vinda já em sua chegada o nosso bispo é recebido com alegria pelos seminaristas que já o esperavam. Ele após sua chegada, que estava prevista para ás 15h30 se reúne com os seminaristas em uma sala, afetuoso com todos, ele inicia a conversa querendo saber seus nomes, ano e curso que estudam, atualmente são vinte e cinto seminaristas residente em Campina Grande, cursando filosofia e teologia.

As apresentações são feitas e ademais são colocadas para o nosso bispo as objeções e como estão todos no convívio do seminário em Campina Grande. Nas suas palavras o bispo se preocupa com a formação e as colocações dos seminaristas foram importantes para o prezado momento. Ainda em suas palavras Dom Aldemiro apresenta aos seminaristas como se encontra nossa diocese e o que é preciso ainda trabalhar para melhorar.

O bispo alerta aos seminaristas para o convívio entre eles, ele diz que devem ser uma família, que devem trata-se como amigos, que para se ter uma boa convivência é necessário tratar bem o outro. Dom Aldemiro pede que cultivem bem a vocação para que mais tarde possam dar bons frutos. Após a reunião, Dom Aldemiro celebra a missa para todos os seminaristas residentes, portanto, os seminaristas de Guarabira, Patos e Campina Grande que também moram nesta casa de formação.

Em suas palavras na homilia, ele traz a figura do ressuscitado o qual deve alegrar os nossos corações, não só durante esse tempo pascal, mas durante toda nossa vida. Alegria do Senhor que ressurgi para nos dar a vida. E finaliza dizendo que existem muitos por aí que precisam ser ressuscitados também por essa alegria, e que como servos do Ressuscitado é obrigação nossa leva essa alegria.

COMPARTILHAR