Foto: Pascom de Pilõezinhos

Durante o Programa A Igreja no Ar, veiculado todos os domingos pela a Rádio Pilõezinhos 87,9 FM, o administrador da Paróquia São Sebastião de Pilõezinhos, padre Joaquim Felipe, lembrou a importância da Eucaristia e da Missa dominical. Basta ver:

O Catecismo da Igreja Católica nos ensina que a celebração da Eucaristia dominical, do Dia do Senhor, está no coração da vida da Igreja. “O domingo, em que se celebra o mistério pascal, por tradição apostólica, deve guardar-se em toda a Igreja como o primordial dia festivo de preceito”

No entanto, antes de ser uma obrigação para nós, católicos, a participação da Santa Missa aos domingos  é uma exigência que está inscrita na essência da vida cristã. Por isso, na Igreja nascente, não havia o preceito dominical, já que os fiéis tinham a assembleia dominical como o ponto mais alto e importante da vida espiritual.

Para o Pe. Joaquim, verdadeiramente, grande é a riqueza espiritual e pastoral da participação do fiel católico na Santa Missa dominical, tal como a Sagrada Tradição nos confiou. Vista na totalidade dos seus significados e implicações, o domingo constitui, de certo modo, uma síntese da vida cristã e uma condição necessária para bem vivê-la. E arrematou: a “igreja” (eucaristia dominical) nos permite que sejamos humanos de uma forma não encontrada em nenhum outro lugar.

Por isso, compreendemos por que razão a Igreja tem como particularmente importante a observância do Dia do Senhor, tanto que a tornou uma obrigação no âmbito da disciplina eclesiástica. No entanto, essa observância, antes de ser um preceito, deve ser vista como uma exigência inscrita profundamente em nossas almas.

É de importância verdadeiramente capital que nos convençamos de que não podemos viver a nossa fé, a plena participação da vida da comunidade cristã, sem tomar parte regularmente na assembleia eucarística dominical.

Uma sequência formativa acontecerá todos os domingos durante o programa. Acompanhe.

PASTORAL DA COMUNICAÇÃO (PASCOM)
DIOCESE DE GUARABIRA